Rádio Maromba - Maromba como você!
ENTREVISTA
Entrevista com Oney Araujo

P:Quando e como começou praticar musculação?

Bom, comecei aos 17 anos (hoje tenho 26), na verdade não considero um começo porque não fiquei nem 3 meses e parei, voltei algumas vezes durante um tempo mas nunca fiquei, até que em janeiro de 2012 entrei pra valer e fiquei até julho onde fiquei doente e perdi tudo que ganhei nesse tempo (quando digo tudo me refiro a míseros 5 kgs), depois disso em Outubro criei meu canal no Youtube e em dezembro eu voltei e estou a 8 meses treinando.

P:Você sempre foi de praticar humor no seu dia-a-dia? Como começou a fazer vídeos para o youtube?

R: Sim, sempre fui uma pessoa descontraída, com mania de tentar fazer outras pessoas rirem, lembro-me de uma vez que fui fazer uma entrevista de emprego para as lojas americanas e fiz a psicóloga e outros entrevistadores morrerem de rir, achei que iriam me contratar, mas eles precisavam de um caixa e não de um palhaço. Comecei a fazer vídeos me inspirando em vários canais da internet e humoristas, e daí tive a idéia de fazer vídeos irônicos e esquetes de humor para o público de musculação que até então não tinha ninguém fazendo isso, e eu gostei muito, o feedback das pessoas que assistiram até hoje me impressiona, quando lanço um vídeo que acho uma bosta é o que mais faz sucesso.

P:Foi difícil encontrar espaço para divulgar seus videos?

R: Se eu tivesse começado a fazer vídeos uns 3 anos atrás, diria que não, mas hoje qualquer pessoa pode fazer vídeos, eu sempre acredito que todos nós temos talento e criatividade pra fazer algo legal e postar na internet, e isso é muito bom, mas conseqüentemente torna o espaço de divulgação MUITO apertado porque tem MUITA gente trabalhando nesse ramo e colocando sua cara a prova de um público que cada vez é mais exigente, e eu concordo com a exigência do público, as coisas não podem ficar estagnadas, tem sempre que evoluir, melhorar, surpreender.

P:Você acha que musculação virou uma tendência (“modinha”)?

R: Não acredito que virou modinha, eu acredito que a nossa geração é mais saudável, as pessoas buscam realmente ter um corpo melhor, a mídia obviamente tem um papel muito grande em incentivar isso na população, afinal, quem não quer ficar com o corpo igual daquele(a) ator/atriz. Mas não só musculação virou uma tendência como também hábitos saudáveis, tem muita gente mudando sua alimentação e estilo de vida por pura consciência e não por moda.

P:Uma música bem selecionada em um treino pode fazer diferença?

R: Com certeza, como diria o mestre Sardinha é importante você escolher bem o ritmo de música para treinar, dependendo da musica você pode uniformizar seu movimento com a batida da música, fora que elas provocam estímulos psicológicos, e isso é legal, afinal a mente é quem manda na corpo não é? Eu particularmente gosto das músicas do LetoDie e principalmente do André LP, quando toca “Pai da Musculação” me sinto um Schwarzenegger (depois da AIDS claro).

P:Você pretende algum dia usar anabolizantes e/ou esteróides?

R: Bom, eu estou lendo o livro do Arnold no momento, e vou fazer das palavras dele as minhas: “Não importa o que aconteça, eu farei de tudo para chegar ao meu objetivo”.

P:O que você acha do projeto da Rádio Maromba?

R: Primeiramente quero agradecer o convite para a entrevista, fiquei honrado. E dizer que o projeto de vocês tem tudo pra continuar dando certo, estão todos de parabéns e espero conhecer mais de perto os integrantes. Estou acompanhando de perto. Forte abraço e muito sucesso a todos.